fbpx

Tecnologia generativa é o futuro de sistemas colaborativos?

Tecnologia generativa é o futuro de sistemas colaborativos?

A aposta em Inteligência Artificial e Tecnologias generativas enfatiza o aprendizado contínuo e desenvolvimento de habilidades essenciais, como colaboração e simplificação de processos, gerando crescimento profissional e estruturando o “futuro do trabalho”, que já está acontecendo

Lançado após extensos testes envolvendo milhares de empresas e milhões de testadores, o Duet AI visa mudar a forma como a tecnologia prevê os futuros espaços de trabalho

Por Alline Antóquio, diretora executiva na Gentrop

Durante o Google Cloud Next 2023, que aconteceu em Mountain View, Califórnia, foram apresentadas as principais tendências para o futuro, lideradas pela Inteligência Artificial generativa e a aprendizagem automática que, dentro da próxima década, desempenharão um importante papel ao maximizar o tempo e os talentos da força de trabalho de várias companhias. Deste modo, o lançamento com maior reverberação está sendo o Duet AI para Google Workspace, que promete ser mais versátil que a concorrência, já que tem disponibilidade online.

O assistente virtual, liberado recentemente para uso geral no Google Workspace, conta com mais de 3 bilhões de usuários e mais de 10 milhões de clientes globalmente, impactando na construção de aplicações e em projetos em qualquer recurso no ecossistema digital. Como facilidade, não há necessidade de conhecimento profundo no desenvolvimento de comandos de machine learning ou IA para utilizar as tecnologias na aplicação, sendo bastante intuitiva.

Quando falamos de automação de processos com tecnologias exponenciais na gestão e implementação de recursos para empresas, visamos eliminar o trabalho enfadonho e permitir que as pessoas façam uma jornada mais criativa, fomentando a descobertas e gerando conexões ricas.

Os benefícios serão vários, possibilitando que o usuário possa, por exemplo, pedir que o assistente o substitua em uma reunião importante. Dito isso, será possível que a inteligência artificial participe do evento e ainda faça um resumo de todos os pontos levantados, compartilhe mensagens pertinentes, faça anotações e crie itens de ação. Ainda, caso o colaborador entre em uma chamada online após o horário de início, poderá até mesmo solicitar um “resumo até o momento” para se atualizar do conteúdo antes de participar, de fato.

A aprendizagem é um processo, havendo sempre novas habilidades e perspectivas a serem adquiridas. Por exemplo, profissionais muito ocupados que precisam criar apresentações de última hora podem usar o assistente de IA para compilar automaticamente as informações necessárias do Google Drive e do Gmail, além de ajudar na criação de conteúdo para e-mails e bate-papos. A ferramenta faz o trabalho pesado, permitindo que o usuário se concentre no polimento e no refinamento do trabalho técnico, o que poderá melhorar a gestão de tempo em uma empresa, além do aumento da produtividade dos colaboradores, liberando horas para que possam abraçar novos desafios.

O Duet AI visa simplificar a colaboração global, desde a melhoria da qualidade da câmera e do som até legendas traduzidas em tempo real em 18 idiomas. Além disso, a ferramenta realiza a criação de roteiros, adiciona fotos nas apresentações por comandos de textos, organiza, analisa e gera ações em planilhas. Dentro do Google Chat, os usuários podem pedir à IA para resumir conversas perdidas ou compilar informações de documentos compartilhados em um espaço.

Para os desenvolvedores, o Duet AI ajudará na refatoração de códigos, com objetivo de melhoria sem alteração do comportamento geral de IA. Ele também pode ajudar a projetar e publicar APIs a partir de comandos de linguagem natural por meio de conectores no Aigee, da plataforma de gerenciamento de APIs do Google. E, embora fora do comum, é um ótimo recurso para aqueles que estão profundamente envolvidos em linhas de código complexas e queiram criar suas próprias regras dentro do ecossistema colaborativo.

Assim como uma peça musical tocada “a quatro mãos” só é possível em colaboração de dois intérpretes, o Duet AI vem ser o parceiro em um dueto arranjado junto ao colaborador, dividindo e período que ele teria para realizar tarefas e, ao mesmo tempo, somando tempo de qualidade ao dar autonomia para ir além. O futuro do trabalho com a tecnologia de ponta já é disruptivo, pois é capaz de eliminar a parte cansativa dos processos, simplificando a vida de times que não precisarão realizar deslocamento para acessar e compartilhar informações de modo seguro com toda a equipe.

Qualquer modelo de negócio pode abraçar um modelo sustentável como o proposto no DUET AI. Com a implementação e o gerenciamento destes ecossistemas colaborativos, nosso objetivo é sempre o de garantir que as companhias usem o máximo possível da capacidade de suas ferramentas, com olhar humanizado e que agregue boas vivências para os funcionários. A incorporação do assistente virtual representa um passo significativo para tornar a IA uma pedra angular das atividades diárias do mundo do trabalho.

Confira também:

Fique por dentro das novidades com a #TrendsCHK.
Siga a gente nas redes sociais @trendschk.

NEWSLETTER

Receba as novidades no seu e-mail

Written by: Lucas Nóbrega

Deixe um comentário