fbpx

O que não fazer com o seu dinheiro em 2022?

Educador financeiro aponta comportamentos a serem evitados para preservar a saúde financeira em 2022

A chegada de 2022 vem carregada de expectativas de uma recuperação da economia brasileira. No que diz respeito aos bolsos dos brasileiros, os anos anteriores impuseram enormes desafios. O que se observou no ano de 2021 foi o aumento do número de brasileiros desempregados, fato que agravou a inadimplência no país. Assim, gerir as finanças pessoais e familiares de maneira adequada certamente esteve nas resoluções de Ano Novo de muitas pessoas.

Segundo pesquisa desenvolvida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) em parceria com o Banco Central do Brasil, aproximadamente 70% da população brasileira tem gastos iguais aos seus ganhos ou gastam mais do que ganham. Este número aponta a falta de planejamento financeiro do brasileiro. O levantamento também concluiu que 62% consideram que a maneira como cuidam do dinheiro não os permite aproveitar a vida, o que indica que as pessoas reconhecem que precisam de ajuda para se organizar em termos financeiros.

Analista e educador financeiro, Uesley Lima se dedica há mais de 16 anos ao auxílio para que pessoas que procuram equilibrar as suas contas restituam a saúde financeira pessoal ou familiar. Para ele, deve-se primeiramente elencar quais são as maiores dívidas: “O primeiro passo é identificar onde sangra o seu dinheiro, onde estão as maiores dívidas. Para o brasileiro, geralmente as principais dívidas estão no uso de cartão de crédito e cheque especial”, explica o especialista.

Pensando em ajudar as pessoas a melhorarem o controle das finanças em 2022, Uesley Lima decidiu listar algumas práticas financeiras que devem ser evitadas durante o ano. Para o educador financeiro, essas são medidas fundamentais para o restabelecimento da saúde financeira:

Deixar o dinheiro parado na poupança

Tendo em vista que a poupança possui uma taxa de rendimento inferior aos índices de inflação dos últimos anos, deixar o dinheiro parado na poupança é um comportamento contraproducente, visto que existem outros investimentos com a mesma segurança, porém com rentabilidade maior. A maior parte dos brasileiros confundem o verbo “poupar” com investir em poupança, quando poupar é o ato de guardar dinheiro, e devemos guardar investindo nos produtos que tenham a melhor rentabilidade possível. Devemos ficar atentos para aproveitar as taxas de juros atuais, podemos escolher produtos bancários comuns como CDB desde que este produto garanta uma rentabilidade um pouco maior ou até mesmo igual a taxa de juros praticada no país, que atualmente está em 9,25% ao ano, sendo que a poupança rende apenas 70% desse valor.

Acumular novas dívidas

Evitar o acúmulo de novas dívidas é fundamental no processo de reorganização das finanças pessoais. O uso descontrolado de cartões de crédito e, principalmente, do cheque especial são os maiores vilões no restabelecimento da saúde financeira. O ideal é priorizar as compras à vista para assim impedir a crescente do endividamento.

Não guardar, nem investir

Conseguir guardar um pouco do dinheiro que entra é indispensável para colocar as finanças nos trilhos. Constituir uma reserva de emergência é importante, e pode te ajudar a conquistar seus objetivos. No entanto, não basta apenas poupar o dinheiro, é importante investi-lo para que a inflação não o desvalorize.

Não se planejar para os impostos fixos

Este é um erro muito comum e que pode gerar consequências terríveis para o seu planejamento financeiro. Ano após ano, o mês de janeiro chega e é necessário pagar os impostos fixos como o IPTU e o IPVA. Se não for feita uma preparação para arcar com esses gastos, acaba-se pagando o valor parcelado ao longo do ano e perde-se a oportunidade de conseguir um bom desconto.

O educador financeiro ainda aponta as vantagens de se tornar um investidor na bolsa de valores para a construção de um sólido patrimônio financeiro: “Estude mais sobre o assunto e se esforce, porque a bolsa de valores pode, sim, te dar muito dinheiro”, assegura Uesley Lima.

Confira também:

Fique por dentro das novidades com o #TrendsCHK.
Siga a gente nas redes sociais @trendschk.

NEWSLETTER

Receba as novidades no seu e-mail

Written by: Eduarda Costa

Deixe um comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com