fbpx

Inacreditável: Reserva lança provador virtual como alternativa de consumo

Um provador virtual nunca foi tão real. A grife carioca de roupas do Grupo AR&Co, expande novos canais de relacionamento com o público para explorar novos potenciais de consumo. Em parceria com a plataforma Dóris, foi criado o recurso que permite ao cliente a criação de um avatar personalizável para experimentar roupas.

A disponibilização de compras online mais imersivas faz parte da estratégia digital da marca brasileira, que identificou o aumento das vendas do e-commerce no começo da pandemia, com pretensão de aumentar a assertividade e conversão nos canais digitais.

Desde que as compras online começaram a crescer de forma espontânea depois do início da pandemia, começamos a pensar em como tornar o processo de compra dos nossos clientes mais rápido e certeiro. A ideia de utilizar o provador faz parte da nossa estratégia de relacionamento com o cliente, visando aumentar a taxa de conversão do e-commerce, evitando que o cliente desista da compra” – Rony Meisler, fundador e CEO da Reserva.

Segundo o fundador da marca, o objetivo é tornar o varejo de moda independente das lojas físicas, que no passado, demandava a troca e experimentação das roupas no corpo antes de comprá-las. Então, o direcionamento de investimentos de Meisler está cada vez mais voltado em ações que diminuam a impessoalidade do digital.

Como funciona?


Primeiramente é tirado uma foto de corpo inteiro, de preferência com roupas que mostrem mais a pele (regatas, bermudas) a fim de facilitar a montagem das peças futuras. Outro detalhe para facilitar o uso do provador online é colocar os cabelos atrás dos ombros e deixar os braços abaixados normalmente. Depois de fazer o upload da imagem, em seguida, clique em ‘’Vista em Você’’ para a inteligência virtual agir e você ver o resultado.

A grande vantagem da experiência inovadora para o consumidor é que, além de economizar tempo não precisando ir até a loja física, também evita a frustração em questão de tamanhos errados e a necessidade de trocas das roupas. Isso gera menor emissão de plásticos das embalagens, economizando com transporte e gastos de todas as partes.

Confira também:

Fique por dentro das novidades e dicas de moda e beleza com o #TrendsCHK.
Siga a gente nas redes sociais @trendschk.

NEWSLETTER

Receba as novidades no seu e-mail

Written by: Laís Dias

Deixe um comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com