fbpx

Dia nacional e mundial da psoríase que afeta 5 milhões de pessoas só no Brasil

Aspectos ambientais e emocionais podem funcionar como gatilho para o início da crise da doença de pele chamada psoríase. Ela afeta cerca de 5 milhões de pessoas no país, mas pode ser controlada com a ajuda especializada.

A doença atinge, em especial, os grupos entre 30 e 40 anos, e 50 e 70 anos, sem distinção quanto ao gênero. É um problema relativamente comum e apesar de crônica não é contagiosa e possui tratamento. A médica Dra. Adriana Vilarinho, dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD) comenta que trata-se de um quadro auto inflamatório no qual, por predisposição genética, surgem lesões avermelhadas e que descamam na pele.

Psoríase

A psoríase é uma doença que pode apresentar ciclos, ou seja, sintomas aparecem, desaparecem e reaparecem periodicamente. Por isso, o alerta da Dra. Adriana são para as manchas vermelhas na pele com escamas secas esbranquiçadas ou prateadas. Pequenas manchas brancas ou escuras que mesmo após melhora das lesões avermelhadas podem deixar a pele ressecada e rachada que podem até sangrar, além de coceira, queimação e dor. “Vale ainda manter a atenção para as unhas grossas, descoladas, amareladas e com alterações no formato, como ondulações, por exemplo. As manifestações variam, conforme a gravidade da doença”.

A médica explica que as chances de uma pessoa desenvolver a doença ou piorar o quadro clínico já existente estão o histórico familiar, estresse, obesidade, tempo frio, infecções diversas, uso de medicamentos, consumo de bebidas alcoólicas e tabagismo.

“O mais importante é não ignorar os sintomas, já que pode estar associado à artrites, doenças cardiometabólicas, gastrointestinais e diversos tipos de cânceres e distúrbios do humor”, finaliza.

 

Veja também:

 

Fique por dentro das novidades e dicas de moda e beleza com o #TrendsCHK.
Siga a gente nas redes sociais @trendschk.

NEWSLETTER

Receba as novidades no seu e-mail

Written by: Ana Leichiringue

Deixe um comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com